terça-feira, 19 de outubro de 2010

Sapo azul e branco – higiene oral

SapoPelo que se lê vai haver festa no charco.

Já se montou a tenda e o prato do dia, à noite, é caldeirada de batráquios.

Com tantos órgãos a reunir à noitinha prevê-se que os sapos se apresentem em traje de gala, ou em pontas, tanto faz.

Quem os não quiser engolir inteiros, sempre os pode pegar de cernelha.
LNT
[0.361/2010]

3 comentários:

maloud disse...

Só não concordo com as cores dos batráquios. Costumam vestir uma espécie de camuflado.

Luis Novaes Tito disse...

É latim, Maloud. Sapo=sabão

Anónimo disse...

Ele há sapos laranja, cor de rosa, vermelhos e até pretos