quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Rica Machina

Machina SpeculatrixO que mais gosto ao ler o Porfírio não é do saber que ele tem para separar o trigo do joio. Ele sabe e ensina a separar o trigo da sua própria palha e isso é relevante.

Espreitem na Machina Speculatrix (agora graficamente remodelada depois de ter mandado as tartarugas pastar) e leiam, com o mesmo gosto que eu li, qual é a questão dos ricos:
«Ele sabe que, no actual estado da "democracia capitalista", o sistema está blindado, de modo que os ricos escapam sempre, descontado o incómodo de andarem nos jornais a falar neles e nos seus milhões de milhões. É que, mesmo que paguem alguma coisa, a dor passará depressa e eles esperam que depois recuperarão tudo com compensações acrescidas. Pode achar-se que é um pouco pornográfico que um articulista escreva apenas para se rebolar de gozo com o facto de estar do lado dos que gostam disto – mas é isso que este articulista faz
LNT
[0.335/2011]

2 comentários:

odete pinto disse...

Muito obrigada por divulgar o magnífico texto de Porfírio Silva, que já partilhei no FB.

Um abraço

Luis Novaes Tito disse...

Odete,
Seria uma grande desatenção não divulgar aquele texto de que muito gostei.