segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Taxistas e barbeiros

LâminaAo contrário da conversa dos taxistas, a dos barbeiros faz-se mais de ouvir, do que de falar.

A razão prende-se com a prosápia dos taxistas que, por muito eruditos que se pretendam, acabam sempre por desconversar sobre aquilo que lhes dá maior gorjeta.
LNT
[0.075/2012]

2 comentários:

Anónimo disse...

beiros(vírgula)faz-se mais de ouvir(,) do que de falar.
Mestre Finezas falava pelos cotovelos são muito opinativos

e com as máquinas zero a ganharem barbeiros auto-didactas é um métier muito em crise

os taxistas é mais o gasoil e a ciganada deixar de andar de táxi...ou assaltá-la no fim

Luis Novaes Tito disse...

Não era assim tanto, caro anónimo.
Ora veja lá:
http://contosdeaula.blogspot.com/2008/05/mestre-finezas.html