terça-feira, 2 de abril de 2013

Coisas de cabeça

CaveiraVoltei à actividade normal. Passaram quase dois meses desde que me puseram a dormir com a cabeça aparafusada a uma mesa de operações para entrarem pelas cervicais de forma semelhante ao que se faz no talho com o corte à milanesa.

Foram precisos muitos anos para que alguém me dobrasse a "espinha", embora não tenha sido da forma a que estamos habituados a ver, mas lá o conseguiram fazer. (também não foi bem dobrar, mas sim cortar e colar)

Só que isto de ser urso velho faz também ser-se osso duro de roer. Já cá ando de novo com o crânio no ar, quase pronto para o que der e vier e para torrar a cabeça a muitos daqueles que andam com ela de banda por terem outras má-formações na coluna.
LNT
[0.026/2013]

6 comentários:

Rui MCB disse...

:-)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

E é muito bem vindo, Luís! Já posso voltar a fazer barba e cabelo na melhor barbearia do país.
Abraço

Rogério Pereira disse...

Chama-se a isto um post de "esqueleto vaidoso" vamos ver ver se a coluna está mesmo direita...

Boa recuperação, é um desejo (sem gracejo)

Janita disse...

Folgo muito em saber que já se sente com o crânio no ar, Luís!!
Pelo que aqui tenho lido desde que reapareceu, pareceu-me bem mais lúcido que muitos fregueses, mas se diz que agora é que está tudo bem coladinho, vamos lá a pegar na tesoura, no pente e no pincel.

Quando apanhar aí um a jeito, desses que andam de cabeça à banda por terem má-formações da coluna e não só, é escalpá-lo e pronto!

Abraço.:)


Leonel Vicente disse...

Boas notícias. Votos de pronto restabelecimento. Um abraço.

Luis Novaes Tito disse...

Rui, Carlos, Rogério, Janita e Leonel:
Agradecimentos e um abraço