segunda-feira, 11 de novembro de 2013

No São Martinho vai à adega e prova o vinho

Castanhas assadasFicam vossas excelências notificadas, clientela ilustre deste humilde estabelecimento de cortes e topetes, que no corrente ano não se comemorará nem o São Martinho, nem o Primeiro de Dezembro.

As razões são conhecidas:

No primeiro caso porque, embora não rareie castanha para aviar à gentalha irrevogável e outra que anda por esse mundo fora a vender a imagem de um povo rendido e submisso, falta já a força para as por ao lume até porque a navalha de golpeio é, cada vez mais, um chanfalho. Também a água-pé rareia, tal como o graveto para a jeropiga.

No segundo caso já nem é preciso fundamentar. A lógica de se acabar com um dia especial para relembrar a nossa independência nacional vem na sequência de todas as outras coisas que esta gente adoptou para nos reduzir a um enclave europeu que rebaptizaram como protectorado. Para nos dar essa noção basta lembrar que, embora ainda tenhamos bandeira e hino, já não temos moeda, nem língua (acordo ortográfico?), nem separação de poderes, nem uma República, nem sequer um Presidente de todos. Formamos jovens para servirem outras nações e vamos a caminho de reinstaurar a prática do boné na mão e da cabeça baixa perante um exército internacional anónimo de prestamistas esbulhadores.

Seja como for, aqui ficam os votos de bom São Martinho.

Não deixem que o quente das castanhas vos queime a língua e, se não conseguirem a água-pé proibida pelos burocratas da Europa Central, afinfem-lhe com um Côtes du Rhône que é para isso que servem as verbas comunitárias para a lavoura.
LNT
[0.435/2013]

2 comentários:

Janita disse...

:))
Como sou cliente deste selecto estabelecimento, há já um tempinho, acho que vou conseguindo comunicar telepaticamente com o proprietário/trabalhador, o Exmo. Senhor Barbeiro Luís.
Então não é que o título deste soberbo artigo é o mesmo da 'minha etiqueta'?:)

O feriado que assinalava a nossa Independência foi-nos sacado, é um facto, mas vamos lá encarar isto pelo lado menos negativo! Este ano também não nos ia aquecer nem arrefecer já que calhava a um Domingo!
Vamo-nos aquecer com as castanhitas e a água-pé.
A propósito, vou já a correr colocar o ifen na minha, que me esqueci de o fazer!!

Um abraço e bom S. Martinho.

Evanir disse...

A alegria quem me da é você que
leva seu carinho no meu blog.
A algum tempo meu céu anda
um pouco nublado e os Dias meio cinzentos.
As noites um pouco longa ,
mais sem perder o brilho das estrelas.
E o encanto da lua brilhante
beijando meu rosto.
Obrigada por você existir na minha vida,
obrigada por me ajudar a superar tantos
momentos de incertezas.
Que Deus abençoe você e eu beijos , Evanir.
Deixei mimo de agradecimento na postagem.
È simples mais de todo coração.
Com você quero comemorar 500.000 Visitas
e tenha certeza , você faz parte da minha historia.
Eu acredito em Deus.
Obrigada tenho muito que agradecer pelo seu carinho no decorrer de tanto tempo.