terça-feira, 26 de novembro de 2013

Serviço cívico

Pincel
Dizem-me que o Tribunal Constitucional confirmou a pena de cinco horas/semana de serviço cívico não remunerado anteriormente sentenciada pelo governo como condenação de todos os cidadãos que cometam o crime de servir no Estado.

A este crime não é atribuída, em caso algum, a faculdade de objector de consciência, dado não haver qualquer salvaguarda para tão grave atentado ao bem comum.

Nem se pode dizer que seja pena demasiada para quem comete tal infracção atentatória aos bons costumes dos princípios escravocatas em implementação.
LNT
[0.463/2013]

4 comentários:

ccastanho disse...

Há situações na FP com mais razão de queixa pelos FPs, do que o aumento de 5 horas de trabalho por semana.Penso ser irrelevante considerando que o privado trabalha muito mais que isso. Não é por aí que deve passar as reivindicações dos FPs, e insistir nesta reivindicação tira impacto às reais preocupações na prestação de serviço publico.

Luis Novaes Tito disse...

Caro CCastanho,
A questão não é o aumento das 5 horas mas sim o aumento gratuito das 5 horas. É que, embora pareça um mal menor, tem a carga de ser trabalho obrigatório gratuito e sabendo-se que nas sociedades avançadas uma das formas de dignificação do trabalho é a sua remuneração, estamos perante um retrocesso civilizacional que nos coloca ao nível do século XIX.

ccastanho disse...

Só hoje aqui cheguei, e mais cedo
"napude vire".
Certo.Retrocesso?! Sim. Agora, todos os retrocessos fossem estes apesar de tudo porra. Há coisas bem piores retrocedidas como a educação; saúde direito ao trabalho; direito a uma reforma digna em função dos descontos de uma vida;acesso à cultura que é fundamental para o sucesso no que quer que seja, enfim. E outras coisas mais como o Meu Caríssimo concordará certamente, e sobre isso, nenhuma dúvida.

Luis Novaes Tito disse...

Certo. Afinal é só mais um. De acordo.