domingo, 25 de janeiro de 2015

Os habituais ganhadores

SyrisaÉ espantosa a declaração de felicitações do PCP ao Syriza.

Não me lembro de terem sido tão esfuziantes quando o BE, por cá, lhes deu uma banhada.

Mas o PCP tem esta característica de sair sempre vencedor em todas as eleições (por cá e por lá) embora nunca tenha estado no poder em resultado dos votos, mesmo escondendo-se num nome eleitoral e num outro símbolo que mascara a foice e o martelo.
LNT
[0.045/2015]

5 comentários:

Anónimo disse...

que azia senhor Luís!

Luis Novaes Tito disse...

Qual azia?

Anónimo disse...


A azia do Pasok estar a desaparecer, Sr. Luís !!!

O preconceito anticomunista sempre a latejar e, às vezes, a explodir...

João Pedro

Luis Novaes Tito disse...

Qual preconceito anticomunista, qual carapuça.

A declaração do PCP é que foi mais do mesmo.

Quanto ao Pasok estar a desaparecer (como diz) é coisa que não me provoca qualquer azia. Olhe que o KKE há muito que não deixa de ser um pequeno Partido.

O que me faz azia é o que se vai passando por cá.

Anónimo disse...


Olhe que não, caro Luís...

O KKE, embora, segundo os modelos utilizados para avaliação do seu peso na sociedade grega, seja pequeno, e, de facto, eleitoralmente, não é grande, o seu peso social e político é significativo. Falta pois colocar, como é lógico, em harmonia, a expressão eleitoral eom o peso social e político. Et voilá !

É o que inevitavelmente acontecerá mas que isso não lhe tire o sono.

João Pedro