segunda-feira, 14 de junho de 2010

Pau carunchoso

PreservativosA direita encostada à Igreja anda em desatino com o casamento. Aliás, a direita evangélica sempre andou em desatino com o casamento. Foi assim com o casamento civil, foi assim com o divórcio e é agora assim com esta nova forma de dar aos cidadãos os mesmos direitos independentemente das suas opções.

A direita encostada à Igreja vive em permanente sobressalto com medo que se saiba que nessa mesma direita encostada à Igreja se faz sexo fora do casamento, se usa preservativo dentro e fora do casamento, se fazem divórcios de casados pela Igreja, se registam casamentos fora da Igreja e, para bem do Diabo, até há gente que vive com gente do mesmo sexo. Tudo às escondidas, claro, no segredo do confessionário.

A direita encostada à Igreja anda em homilias a rogar que se leve para Belém um Santinho.

Deus os oiça!
LNT
[0.194/2010]

7 comentários:

Luis Félix disse...

Muito bem dito e observado. Aliás a direita encostada a igreja só faz sexo para procriação mesmo aqueles que não têm filhos.

Ana Matos Pires disse...

Pssst, só não conscordo com essa coisa da "opções", se fosse uma opção ninguém no seu juízo perfeito optaria por ser homossexual

Luis Novaes Tito disse...

Sei o que que quer dizer Ana, mas tudo na vida resulta de opções.

Maria disse...

Gostei, amigo. Penso da mesma forma. O mundo de hipocrisia em que vivemos, é nojento.
Maria

fatbot disse...

Para além do " post " muito bem redigido e com o qual concordo a 100%, não posso deixar de ELOGIAR a deliciosa colecção de preservativos aqui apresentada! Este Senhor Barbeiro é o MÁXIMO!!!

Anónimo disse...

Os caracóis também têm o mesmo sexo (se eles quizerem) e que eu saiba também não vão à igreja.
Não sei que mal tem ser casado com uma pessoa de sexo diferente. Parece que agora o que é normal é o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Tem uma enorme vantagem. Bem podem ter sexo à vontade que nenhum deles ou delas engravida. eh eh eh eh

Anónimo disse...

O perigo é se agora eu me lembro de revindicar o meu casamento com o meu cão... Também já vivo com ele á doze anos.