quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Afinal não votarei em Sócrates - declaração de voto

Sócrates AdidasAfinal, pensando bem, ainda não será desta que proporei, e nem sequer votarei, em José Sócrates.

Continuarei a votar (consciente e orgulhosamente) no Partido Socialista, como sempre votei, mas continuarei a não ser eleitor de Sócrates. E como só há uma altura para não votar em Sócrates, que é quando ele se candidata a Secretário-Geral do PS, lá terá de ser.

No entanto espero que Sócrates tenha, se não 100% dos delegados no Congresso, pelo menos 99%. Espero que a sua lista seja mega-hiper-extra maioritária, coisa a rondar a unanimidade, mesmo que os delegados se apresentem em dezenas de listas diferentes e contraditórias nas mesmas estruturas.

E antes que me desafiem a candidatar-me a Secretário-Geral (coisa vulgar cada vez que alguém do PS diz que não é apoiante de Sócrates) informo desde já que não serei candidato.
LNT
[0.035/2011]

9 comentários:

folha seca disse...

Caro Luis
Vou gamar-lhe o post. Espero que não me leve a mal.
Abraço

Luis Novaes Tito disse...

Game, game Folha seca que eu cá me aguentarei :)

fatbot disse...

... e faz muito BEM, SENHOR BARBEIRO! Tem muita razão!!! Um abraço

Fernando disse...

Eu também nunca votei no sr. Sócrates.

Manel disse...

Concordo com o barbeiro, e não é por ele ter a navalha de babear na mão.

Também já tinha decidido ignorar o email recebido para a propositura de candidatura.

(c) P.A.S. disse...

Caro Barbeiro

Cada vez mais o seu estabelecimento se reveste de uma qualidade irrepreensível.
Cada vez mais, mesmo estando em estado desesperado de não poder pagar mais do que um cêntimo de comentário, o seu estabelecimento se torna um lugar sem sombra do diabo e de penteado a não condizer com o alinhado e interesseiro figurino.
Traga lá para a ribalta um penteado Seguro que quando o povo mumificar com chapa 20% o Soturno Sócrates, será ver os ratos a abandonarem os não recomendáveis estabelecimentos seus vizinhos e os velhos e os novos clientes outrora desavindos a dizerem-lhe envergonhados: eu afinal estava enganado com aquela nostra casa forrada por fora com brilhantes neons, forrada por dentro a estábulo e prostíbulo.
Mas será tarde para os adornar do último corte da moda, o penteado Seguro que não combina com o fato Armani, que a hipocrisia, as benesses e o carreirismo têm limites.

Anónimo disse...

Militantes e Candidatos

Eu também NÃO proporei nem votarei Sócrates para SG do PS (e também não o fiz no passado) embora continue a pagar quotas, a votar, a propor ... e a criticar.

E espero que haja alternativa ... para evitar voto branco nulo ou abstenção.

Também não me proporei para candidato a SG (creio que há alguns militantes melhores, embora sem falsa modéstia me considere apto e melhor que metade do universo elegível...)

e se alguém me propor (hipótese quase absurda) para um cargo partidário (ou cívico ou político ou técnico nas minhas valências) NÃO RECUSO e farei o melhor possível, com princípios, empenho e meios democráticos.

Xa2

Anónimo disse...

Já agora apetece-me recordar que em post anterior o Sr Barbeiro dizia que ia apoiar o Sr Sócrates. Que terá acontecido desde então?
Não sei e nem terei resposta, certamente. Mas em todo o caso, quero dizer que a decisão do Sr Barbeiro me parece, agora, muito acertada. É que está na hora de o Sr Sócrates levar uma sova igual à que levou o seu apoiado, candidato a PR. Mas, enfim seria bom demais. Não me parece que os tais 99 vírgula não sei quantos escapem ao Sr Sócrates. A ver, vamos.
Boa noite

António Costa disse...

É pena não se candidatar, eu votava em si, já no Sócrates...