segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Temos noção de que vai voltar a acontecer


Estavam reunidas todas as condições.

O mais grave é que quem o devia saber, sabia, e nada fez para mitigar os riscos.

Seca, temperaturas extremas, fenómenos atmosféricos decorrentes da passagem ao largo do Ophelia e respectivos ventos. Se houve pirómanos que souberam ler isso, também deveria ter havido do lado da protecção civil gente competente que o tivesse sabido ler.

Agora parecem baratas tontas a correr de um lado para o outro sem uma voz de comando que coordene os operacionais.

No meio de tudo isto há os que convocam populares sem a mínima preparação para o teatro de operações, os que sugerem que se atirem militares para o meio do fogo (nunca percebi porque não sugerem também as outras classes profissionais, p.e. professores, médicos, advogados, arquitectos, ou quaisquer outros), os tudólogos que nunca deixam de se pronunciar, os que se desculpam com o  destino, a fatalidade e o inevitável e ainda os comentadores televisivos que resolvem o problema com a exigência de demissões políticas fundamentadas com frases soltas retiradas do contexto em que foram ditas.

Está tudo chanfrado, perigosamente chanfrado, e nós entregues aos bichos.
LNT
#BarbeariaSrLuis
[0.072/2017]
Enviar um comentário